fbpx
Você já torceu o tornozelo ao praticar desporto, deu alguns passos esperando e torceu para que a dor aliviassse para retornar ao seu treinamento?
 
Isso ocorre com muitos atletas, principalemnte corredores de trilhas ou superfícies irregulares e até mesmo no asfalto ao pisar em pedras e outros objetos.
 
A articulação do tornozelo é uma estrutura anatômica complexa que permite o movimento em várias amplitudes e justamente por isso possibilita uma adequação em vários terrenos irregulares, porém torna uma articulação muito vulnerável à entorses.
 
A entorse ocorre após uma torção no tornozelo para dentro ou para fora onde, dependendo da gravidade, pode gerar uma lesão pequena e até romper estruturas anatômicas, como os ligamentos.
Os sintomas mais comuns após a entorse são:
 
– Dor no tornozelo e dificuldade para caminhar;
– Inchaço da parte lateral do pé;
– Sensibilidade ao tocar na região lateral do tornozelo e do pé;
– Essa área pode ficar inchada e até arroxeada;
 
O tratamento consiste em controlar a dor e edema, estimular o movimento precocemente, acelerar o processo de cura e buscar o equilíbrio muscular para evitar recorrências da entorse.
 
Agende agora mesmo sua avaliação!
 
MoviMente-se!


Comentar