fbpx

Um bom acompanhamento fisioterápico é muito importante tanto no pré-tratamento, durante o tratamento e após o tratamento, para minimizar as possíveis sequelas tanto a nível estético e físico como inchaço do braço, acúmulo de líquido, dores, perca de amplitude de movimento e fraqueza no membro

Na fase pós-cirúrgica, a Fisioterapia é focada entre outras coisas na drenagem linfática manual, a fim de controlar o aumento de volume do membro – o edema –, exercícios de mobilização para restaurar a amplitude de movimentos e força, assim como redução da dor, mobilização fascial e da cicatriz, com o intuito de evitar a formação de aderências e adaptação às atividades do dia-a-dia.

Sabemos que este é um momento delicado na vida da mulher, os nossos profissionais estão disponíveis para esclarecer as suas dúvidas. 

MoviMente-se!

🌐 www.MoviMente.pt

📞 232 11 22 77

Comentar